Em 2022 o mundo terá o equivalente a duas vezes a frota de SP em carros elétricos.

carros_eletricos

Fila de carros em Toronto/ Canadá esperando para abastecer. 

O mercado de carros verdes, apesar de pequeno, se tornou uma parte importante da indústria automotiva global. As perspectivas de crescimento não desapontam: mais de 35 milhões de veículos elétricos estarão nas estradas até 2022, aponta um estudo da consultoria Navigant Research.

Isso equivale a mais que o dobro da frota atual de carros do Estado de São Paulo, que é de 16 milhões, segundo dados do Detran SP.

Hoje, a frota mundial de carros com propulsão elétrica é um pouco maior, já beira os 17 milhões. Na lista, entram os híbridos, híbridos plug-in e 100% elétricos.

De acordo com a consultoria, os preços elevados do combustível, seja gasolina ou diesel, têm tornado os modelos com propulsão elétrica mais atraentes para o bolso.

“Para muitos consumidores a aquisição do carro virou uma questão econômica”, diz Scott Shepard, analista de pesquisa da Navigant Research

“Os preço de compra inicial pode ser maior que os modelos convencionais, porém a economia operacional devido à redução dos custos de manutenção e reabastecimento estão provando que os elétricos são competitivos”, completa.

O RESIDENCIAL COTTI JÁ POSSUI UMA TOMADA ESPECÍFICA PARA BICICLETAS E 
CARROS ELÉTRICOS NA GARAGEM. – CONHEÇA MAIS NO SITE.

Segurança e comodidade

Na esteira do avanço do mercado de elétricos, cada vez mais países se dão conta da necessidade de investir em infraestrutura, que é um dos pontos fracos da indústria.

O consumidor precisa ter segurança de que o carro não vai morrer na estrada, com bateria vazia e sem um posto de recarga próximo.

Na Europa, que tem dado grande ênfase no uso de energias limpas, mudanças estão a caminho. Na última semana de novembro, uma comissão do Parlamento Europeu aprovou uma resolução que exige que os seus estados membros instalem, até 2020, milhares de postos de carregamento de veículos elétricos e de hidrogênio em pontos estratégicos.

A medida, ainda em discussão, visa abrir esse mercado que hoje conta com pouco mais de 64 mil pontos públicos de recarga em todo o mundo, segundo a consultoria.

Fonte: Exame

Anúncios

Deixe uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s